O FBI quer saber tudo o que você está fazendo no Facebook e Instagram

O FBI quer saber tudo o que você está fazendo no Facebook e Instagram

Felipe Felipe 17 mar 2020

Pode até parecer uma notícia sensacionalista ou algo que faz parte de filmes sobre ficção – mas, não é! Tudo o que muitos usuários andam fazendo nesses canais sociais pode estar sendo realmente monitorado pelo FBI!

O fato é que já se sabe que atualmente muitos usuários que são ativos no ambiente do Facebook, Instagram e até mesmo no Twitter estão mais expostos à terceiros!

E se você ficou preocupado com essa notícia, saiba que não está sozinho!

O FBI está dedicando esforços para promover uma monitoria ainda mais intensa acerca de todas as informações que são devidamente publicadas nesses canais sociais.

O intuito não é ficar “xeretando” a vida dos usuários, mas sim tentar encontrar meios de promover o combate aos inúmeros grupos terroristas e até mesmo efetivas ameaças que são direcionadas contra os Estados Unidos.

Receba Novidades

O que a mídia está falando sobre esse fato?

Segundo o renomado e reconhecido jornal Wall Street Journal, o FBI publicou há pouco tempo uma licitação, mais precisamente na data do dia 8 de julho e que terá validade até o dia 27 de agosto.

Tal documento tem como orientação apontar que o vencedor deverá  buscar formas de contribuir com a agência para poder identificar e monitorar eventuais ameaças que sejam direcionadas aos Estados Unidos da América!

E isso é algo justificável, de certa forma, uma vez que o evidente aumento do uso dos canais sociais, o FBI passou a entender que esse é um ambiente propício para consolidar investigações mais completas, principalmente se tratando de possíveis ataques terroristas.

Por isso, em defesa dessa decisão, o FBI alega que identificar informações que possam ser consideradas relevantes, não somente nessas plataformas, mas também em outras em tempo real, poderá  contribuir para ações preventivas.

Quais as medidas que estão sendo adotadas pelo FBI e onde os usuários desses canais entram nessa história?

Diante de todo esse posicionamento, o FBI deixa claro que precisa manter seu acesso quase que de forma integral a uma enorme gama de trocas de mensagens que são realizadas nas redes sociais.

Essa é a medida adotada para que a agência seja capaz de captar informações que sejam bem mais atualizadas – isso garante que se possa promover a aplicação da lei e também das chamadas missões inteligentes.

Em suma, o FBI quer manter o acesso a diversos dados para todos e não às mensagens privadas!

Mas, isso acabaria incluindo dados bem completos, uma vez que o FBI poderia acessar nomes, identificações diversas e fotos! Todo esse montante de informações deverão ainda ser devidamente combinadas com outras fontes.

Isso ajudará a promover a criação de perfis e ainda manter o acompanhamento das pessoas certas – pessoas que  eles acreditem representar algum tipo de ameaça por conta de uma série de investigações mais minuciosas!

O que mais é preciso saber sobre essa licitação!

Nessa licitação, o FBI solicita que as propostas sejam dedicar a ofertar possibilidades direcionadas à obtenção de perfis completos existentes no Facebook, Instagram e também no Twitter.

Para tanto, as propostas deverão focar, portanto, em pessoas de interesse e também de filiação duvidosa, ou seja, que façam parte de determinados grupos ou organizações que sejam considerados “inimigos de estado”.

A solução a ser apresentada ainda deverá ter capacidade de promover o monitoramento de pessoas que estejam em determinados bairros previamente definidos e ainda realizar a busca por palavras chaves que tenham relação com atividades classificadas como ilegais.

Um detalhe importante é que a ferramenta em questão não poderá, de forma alguma, deixar eventuais rastros para os canais sociais em questão bem como para outras agências de cunho federal!

O FBI ainda adianta nessa licitação que a empresa que apresentar o projeto vencedor precisará também estar de acordo em manter todos os dados obtidos por meio do sistema sob propriedade totalmente exclusiva do governo!

Receba Novidades

E como esse plano do FBI foi recebido pelas redes sociais?

Nem é preciso dizer que as redes sociais não gostaram muito dessa ideia, não é mesmo? E nem poderia ser diferente!

Isso tanto  é verdade que um dos primeiros a se manifestar foi o Twitter, alegando ao WSJ que proíbe totalmente o uso de dados, independente de qual seja a entidade de vigilância, bem como qualquer outra forma que afetasse, de certa maneira, a privacidade de sua base de usuários!

Já o Facebook, por sua vez, se posicionou optando por não comentar os planos do FBI, mas encaminhou para a CNN suas políticas para desenvolvedores – e adivinha? Essas politicas enviadas de fato proíbem o uso de dados de sua base de usuários para o fornecimento de ferramentas destinadas à casos de vigilância!

Além disso, é importante destacar que o sistema de monitoramento que o FBI deseja colocar na ativa vai totalmente no caminho contrário do que o Congresso Americano e a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos  (FTC) mantém como posicionado.

Ambos dedicam um posicionamento para buscar sempre garantir, acima de qualquer coisa, a privacidade de todo cidadão ativo nesses canais sociais.

Outro ponto interesse é que também é interessante lembrar, é que o Facebook foi recentemente multado pela FTC. O valor foi bem salgado, inclusive!

A empresa teve de arcar com o impressionante custo de 5 bilhões de dólares. A sentença foi proveniente do famoso caso Cambridge Analytica.

E o valor chegou a esse montante por que a empresa tentou realizar um acordo, pois do contrário poderia ser muito mais comprometedor!

Para poder chegar a um acordo mais aceitável, a empresa  concordou em realizar uma minuciosa revisão de seu sistema, de forma a encontrar alternativas que pudessem contornar os problemas de privacidade e  ainda dedicar analises bem mais rigorosas acerca de aplicativos de terceiros!

Em suma, o sistema do  FBI poderia impedir a rede social de cumprir com o que foi acordado, o que poderia despertar uma nova crise e instabilidade de segurança nesses ambientes!

E você? O que acha dessa possibilidade? Você acha que esse posicionamento da agência é realmente uma boa alternativa?

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos

Selecionamos os melhores planos de telefonia, internet e tv por assinatura para o seu perfil.