Qual foi o primeiro aplicativo criado no mundo? Quando ele foi criado?

Qual foi o primeiro aplicativo criado no mundo? Quando ele foi criado?

Flavio Flavio 23 mar 2020

Fundamentais no nosso cotidiano, os aplicativos de celulares vieram para ficar, e desde 2007 facilitam a vida de muitas pessoas.

Junto à criação e desenvolvimento dos smartphones, os apps (palavra utilizada para abreviar “aplicativos para software”) vêm crescendo cada dia mais. E hoje já mais de milhões de aplicativos disponíveis em lojas como a Play Store, App Store, BlackBerry World, Windows Store, entre outras.

Eles estão disponíveis para download tanto na forma gratuita como também de forma paga. Fica a critério do usuário escolher qual app irá baixar e utilizar.

Existem jogos, GPS, app de leitura, de encontros, de finanças pessoas, de bancos, enfim, o número de apps disponíveis hoje ultrapassam milhões e todos os dias novos apps estão sendo desenvolvidos ou atualizados.

Mas qual foi o primeiro aplicativo criado no mundo? E quando ele foi criado? Continue acompanhando este artigo para saber a resposta e muito mais informações sobre o mundo dos aplicativos para celulares.

Receba Novidades

Aplicativos: Novas opções e experiências

Eles começaram com apenas algumas funções, como por exemplo calendário, agenda de contatos eletrônica, e-mail, informações meteorológicas, mercado de ações; mas com o desenvolvimento dos smartphones, os apps não ficaram de lado e cresceram junto.

E atualmente você encontra milhões de aplicativos para utilizar na palma de sua mão; seja rede social como Facebook, Twitter, Snapchat, ou ainda bancas, livros, compra de produtos, descontos em bilhetes premiados e muito mais. Basta abrir a Play Store do Android ou a App Store da Apple para conferir as diferentes opções.

O aplicativo nada mais é do que um software desenvolvido para rodar em aparelhos móveis com PDA, ou seja, celular, smartphone, um MP3 e ele pode ser instalado diretamente no aparelho, ou através de um download nas plataformas de desenvolvedoras (App Store, Apple Store, BlackBerry World, Windows Store).

Fica a critério do usuário escolher qual app irá instalar no seu aparelho. São inúmeras opções, para os mais variados gostos.

A questão é como eles passaram a influenciar diretamente na nossa forma de comunicação, gastronomia, locomoção, encontros, diversão e muitas outras coisas que hoje realizamos através dos apps e não mais como antes, em que tínhamos de ir atrás das coisas, atualmente não, devido aos aplicativos, elas vêm até nós.

Para ter uma ideia, em 2010, a apalavra “App” foi considerada a palavra mais utilizada do ano, pois ficou tão popular e caiu na boca de tantas pessoas, que a revista American Dialect Society considerou a palavra do ano nos EUA.

E não pense que os aplicativos não tem função social, eles tem um papel importantíssimo na área da saúde, pois pode conectar facilmente quem oferece serviços com quem os precisa. Desta maneira, a pessoa que possui alguma doença, seja ela de leve ou pequena grau, e tiver alguma duvida, pode consultar um medico online, a partir do aplicativo. Pela rapidez da internet, um diagnostico pode ser realizado por um especialista de imediato.

Qual foi o primeiro aplicativo criado?

Por definição de app, entendemos um software que roda em um aparelho móvel, e o primeiro veio junto com o primeiro smartphone, eles existem há muito tempo, quem não lembra do Nokia 6110, que rodava o incrível jogo “Snake”?

Mas os apps como conhecemos hoje, surgiram com os primeiros 500 apps da Apple Store, a Maçã desenvolveu os primeiros 500 apps para sua loja, que contava com itens pagos e gratuitos, e rodava no iPhone 3g, lançado em 2008; a loja possuía apps como o DocumentstoGo, Shazam , Star Walk, Navigon, GPS TomTom, Quick Office, entre muitos outros.

O Whatsapp Messenger, aplicativo que revolucionou a forma de comunicação do mundo todo e causou pânico nas empresas telefônicas surgiu em 2010 e até hoje está entre os melhores apps já criados.

Mas se formos levarmos ao pé da letra, e entendermos aplicativo como um software que funciona a partir de sistemas com linguagem especifica de programação, o primeiro a ser desenvolver um, foi o húngaro, John Von Neumann, em 1948.

Mas claro, os apps como conhecemos hoje, de uma forma mais interativo, com múltiplas funcionalidades, começaram depois de 2007, e foi a Apple que começou com os primeiros 500 apps, depois no ano seguinte a Android implementou e também lançou seus próprios aplicativos.

Receba Novidades

Aplicativos Nativos, Web Apps e Híbridos

Existem aplicativos de 3 tipos, sendo eles:

  • Aplicativos nativos: São aqueles desenvolvidos apenas para uma plataforma especifica, como por exemplo o IOS e Android. Neste tipo de app é possível utilizar alguns recursos do próprio celular, tais como a câmera, localização, agenda, GPS. São exemplos de app nativos o WhatsApp, Uber, IFood, Facebook, entre outros, eles possuem um melhor desempenho e rodam em praticamente todos os celulares.
  • Web Apps: Já os web apps, como o próprio nome diz, são aplicativos desenvolvidos através de websites e quando reconhecem que o usuário está acessando a partir de um smartphone, se adapta e roda normalmente, muitos não consideram os Web Apps um aplicativo especifico. Você não os encontra nas plataformas IOS e Android, e sim em sites.
  • Aplicativos Híbridos: são aqueles que podem rodar em diferentes plataformas, tanto no PC, quanto no tablet ou celular, são exemplos: Netflix, Steam, Amazon Kindle, entre outros.

Estes são os 3 tipos de aplicativos já desenvolvidos, então fique por dentro e saiba qual baixar para atender suas necessidades e vontades!

Mas afinal, quem criou o primeiro Aplicativo?

A resposta para essa pergunta é: Depende!

Sim, depende do que você considera como aplicativo, se considera-lo um software desenvolvido para rodar em aparelhos eletrônicos, o primeiro criador foi mesmo o húngaro John Von Neumann, mas se estamos falando de apps como conhecemos nos nossos smartphones, o primeiro criado foi pela Apple, que disponibilizou cerca de 500 apps para download (gratuitos e pagos) na App Store, em 2008.

E além disso, ainda junto ao primeiro smartphone, o IBM SIMON, de 1994, já era possível encontrar alguns aplicativos, como por exemplo agenda, e-mail, correio eletrônico, entre outros.

A evolução dos aplicativos para celulares é constante, e não para por aí, eles continuam evoluindo e com certeza, estarão em nossas vidas hoje e no futuro!

Gostou do artigo? Continue acompanhando nossas postagens para mais curiosidades e informações sobre celulares!

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos

Selecionamos os melhores planos de telefonia, internet e tv por assinatura para o seu perfil.