Série Transparent – crítica, elenco, sinopse e informações essenciais!

Série Transparent – crítica, elenco, sinopse e informações essenciais!

Flavio Flavio 16 mar 2020

Se você tem dificuldades em escolher uma boa série para começar a acompanhar, fazer uma pesquisa na internet pode ser um começo interessante. E hoje trouxemos um conteúdo completo a respeito de um seriado que tem dado o que falar: Transparent.

A série teve estreia em 2014, e rapidamente conquistou o público e também os críticos. O motivo principal é o fato de tocar em assuntos delicados e urgentes de maneira muito inteligente e respeitosa, sempre

O sucesso foi tamanho que a série faturou o Globo de Ouro em 2015, um dos prêmios mais importantes da televisão americana. Curiosamente, no Brasil ela não se tornou um grande sucesso, e não ganhou tanto público quanto se esperava.

Claro que podemos atribuir a isso o fato de ser uma produção Amazon, o que acaba caindo no limbo de “não tem na Netflix…” ao qual todos nós acabamos inseridos nos últimos anos.

Mas, mesmo não estando no acervo do streaming queridinho do brasileiro, é inegável que Transparent é uma série que merece toda a atenção. Além de tratar de um assunto extremamente importante, a sua execução é primorosa!

Receba Novidades

Conheça Transparent – A série que tratou a transexualidade de maneira não caricata

A história acompanha a rotina de uma família americana que enfrenta seus problemas de relacionamentos. Pai de três filhos já adultos, o professor universitário Mort (Jeffrey Tambor) decide então assumir que é uma pessoa trans, e inicia o processo de mudanças de seu corpo, assumindo sua identidade como Maura.

Obviamente a notícia cai como uma bomba para toda a família, que precisa agora entender essa condição, e lidar com a ideia de que seu patriarca sempre foi, na verdade, uma mulher, reprimida por conta de seus próprios preconceitos, medos e obrigações.

A importância dos anti-heróis para a construção da trama

Já faz algum tempo que percebemos que as séries já não são mais divididas entre o conceito de “bem” e “mal”. É claro que alguns valores éticos e morais são irrevogáveis, mas cada vez mais temos nos deparado com personagens grandiosos que apresentam ambas as facetas.

Em Transparent essa é uma constante, e parte essencial para o desenrolar da trama. Todos os personagens são incríveis, carismáticos, encantadores, e, por vezes, egoístas.

Surpreendidos pela revelação de seu pai, os três filhos precisam agora reorganizar suas vidas de modo que caiba, em seus corações, uma mulher trans. Uma coisa que a série deixa clara, no entanto, é que Maura não é uma personagem confusa.

Embora, claro, enfrente uma série de conflitos interno, ela está muito certa e muito segura a respeito de sua vida assumida, e sabe que isso era necessário. Seus filhos, no entanto, se mostram altamente vulneráveis e até inseguros com relação as próprias identidades.

Isso fica muito claro principalmente quando analisamos a trajetória de Sarah (Amy Landecker). Somente após seu pai se assumir trans é que ela toma coragem para terminar o seu casamento heterossexual para, finalmente, analisar a possibilidade de que talvez ela seja lésbica.

A série é dividida em 5 temporadas, sendo que a última conta apenas com um episódio musical que visa encerrar a trajetória dos personagens.

A ideia ainda não era encerrar a história de maneira tão repentina, no entanto, a produção foi pega por um escândalo envolvendo o ator principal, que recebeu acusações de abuso sexual.

Como saída, a última temporada deverá trazer uma conclusão para a história utilizando apenas seus filhos e outros personagens que ajudaram a contar essa trajetória.

Quem é quem em Transparent? Conheça os atores e seus respectivos personagens!

Uma boa história precisa ser contada a partir de diferentes personagens. E com certeza esse é um dos pontos fortes de Transparent. A criadora da série, Jill Soloway, é reconhecida pela sua alta capacidade de criar personagens muito bem embasados, complexos e humanos.

Ela fez justamente isso na série “À Sete Palmos”, também criação sua, e que lhe rendeu inúmeros prêmios e elogios tanto por parte da crítica especializada quanto por parte do público.

A sua genialidade em criação e personagens se repete em Transparent, nos apresentando figuras que são ao mesmo tempo curiosas e interessantes, mas que também nos despertam certa raiva

Veja o elenco e seus respectivos papeis:

• Jeffrey Tambor: Maura Pfefferman;

• Gaby Hoffmann: Alexandra Pfefferman;

• Amy Landecker: Sarah Pfefferman;

• Judith Light: Shelly Pfefferman;

• Melora Hardin: Tammy Cashman;

• Jay Duplass: Josh Pfefferman;

• Kathryn Hahn: Raquel Fein;

• Rob Huebel: Len Novack;

• Trace Lysette: Shea.

É importante destacar que não somente Transparent contou com personagens delicadamente construídos e elaborados como também pode desfrutar do talento de atores da mais alta qualidade, que conseguiram passar todo esse sentimento e qualidade em seus trabalhos na série.

Receba Novidades

Escândalo envolvendo a série – O que aconteceu?

Após a sua estreia em 2014, Transparent conquistou um público gigantesco, recebeu 4 indicações ao Globo de Ouro nesse primeiro ano, e acabou faturando 2 deles – Melhor Série e Melhor atuação para Jeffrey Tambor.

No entanto, tristemente a história genial de Jill Soloway foi pega por uma situação desastrosa: o ator protagonista, o mesmo que recebeu as premiações e se tornou parte essencial do sucesso do seriado recebeu acusações graves de assédio sexual contra duas mulheres dentro dos sets de gravação.

A ex-assistente Van Barnes foi a primeira a fazer uma acusação de perseguição sexual por parte do ator. A atriz Trace Lysette, colega de elenco em Transparent, também fez uma acusação algum tempo depois. Ambas são mulheres trans.
Após o conhecimento desses fatos pela mídia, a Amazon e toda a produção do seriado se

manifestou, afirmando que tambor seria afastado da série, e não participaria da última temporada.

Começou então certa especulação a respeito dessa decisão, afinal, ele interpretava a protagonista da série.

A solução escolhida por Jill Soloway foi, então, criar um “gran finale” através de um número musical que sintetizasse tudo aquilo que a série precisava para encerrar o seu ciclo. Ela também anunciou que a personagem Maura deverá morrer – evitando assim a necessidade de substituir Jeffery Tambor na reta final.

Polêmicas a parte, Transparent é uma série de altíssima qualidade, e que com certeza merece a atenção, sobretudo de um público que preza por conteúdos inclusivos e que debate temas de grande relevância.

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos

Selecionamos os melhores planos de telefonia, internet e tv por assinatura para o seu perfil.